27/08/2008

saudade.

hoje eu te ví.
de longe...
mais perto.
mas... perto.
debaixo do meu travesseiro.
você apareceu.
ví seu rosto.
sentí sua pele.
seu toque,
me perfumei um pouco do seu cheiro.
caminhei do seu lado,
sua voz.
sua música.
ví seu rosto...
bem de perto...
debaixo do cobertor...
esquentou meus pés.
sentí calor.
o seu.
o que foi.
o nosso.
hoje eu ví você, sem querer...
e te quis.
te quero.
seu rosto...
sentí seus olhos.
seu azul.
o meu.
o nosso, azul.
hoje no escuro,
eu te ví.
te tive.
te sentí.


sentí saudade.


midraj

3 comentários:

Anônimo disse...

será que passa?

midra!

Lelê disse...

Eu quero esconder tudo isso embaixo do travisseiro de novo, mas eu corro o risco de deixá-lo (o travisseiro) cair da cama no meio da noite. E então estará tudo comigo novamente. Será isso sonho ou pesadê-lo?

tropeços. disse...

eu.....eu......eu queria dizer